Qual é a importância do desenho de câmaras de osseointegração na macrogeometria do implante?

Os mecanismos de osseointegração, são determinados pela interação entre o desenho do implante e as paredes do leito ósseo.

Tradicionalmente, a sub-fresagem óssea foi utilizada para conseguir um íntimo contato entre osso/implante e atingir altos valores de torque de inserção, porém, sob o risco de gerar estresse de compressão excessivo e subsequente dano ao tecido ósseo. Com o objetivo de diminuir os tempos de osseointegração e favorecer a biologia do processo de reparo, implantes com câmeras de osseointegração foram desenhados para permitir mecanismos de osseointegração intramembranosa e híbrida, que tem se mostrado eficientes por diminuir o estresse compressivo no leito ósseo e a remodelação interfacial.

Assim, as câmaras de osseointegração facilitam a neoformação óssea em íntimo contato com o implante limitando a remodelação interfacial e reduzindo o tempo para atingir a estabilidade secundária.

a importância do desenho de câmaras de osseointegração na macrogeometria do implante
Câmaras de osseointegração
Paulo Guilherme Coelho

Paulo Coelho, DDS, PhD, MBA

MBA, Fox School of Business, Temple University
PhD, Materials Engineering, University of Alabama at Birmingham
MSMtE, Materials Engineering, University of Alabama at Birmingham
MS, Biomaterials, University of Alabama at Birmingham
BS, Materials Engineering, University of Alabama at Birmingham
DDS, Pontificia Universidade Catolica do Parana, Brazil

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Nome *